06.08.2018 | 17h43

Alckmin quer renúncia de Pacheco

Geraldo Alckmin inicia nesta segunda, 6, a pressão para que o candidato ao governo de Minas, Rodrigo Pacheco (DEM), desista do pleito para disputar uma vaga ao Senado na chapa do tucano Antonio Anastasia (PSDB), informa a Coluna do Estadão.

Para cumprir a agenda em Belo Horizonte, Alckmin cancelou um compromisso de campanha em São Paulo. Rodrigo Maia também está na capital mineira. A aliança de Alckmin com o Centrão, do qual o DEM faz parte, catalizou o processo, conforme adiantado pelo BR18.


VOLTAR PARA O ESTADÃO