04.09.2018 | 14h39

O ‘reposicionamento de marca’ de Alckmin

Geraldo Alckmin (PSDB) deu início a seu “reposicionamento de marca”. O tucano tenta atenuar a imagem fria e se tornar o candidato dos pobres para diminuir o 26% de rejeição, segundo matéria publicada na Folha.

A avaliação da equipe tucana é de que não adianta focar no aprofundamento técnico. O momento é de demonstrar sensibilidade social.


VOLTAR PARA O ESTADÃO