19.07.2018 | 11h51

Alckmin equilibra o jogo no ‘blocão’

A ala “alckmista” do chamado blocão, capitaneada pelos democratas Mendonça Filho e Rodrigo Garcia e pelo presidente do PRB, Marcos Pereira, acha que conseguiu “equilibrar o jogo” no grupo entre o apoio a Ciro Gomes –que tinha ganhado impulso no fim de semana– e a a adesão ao tucano.

Alguns fatores teriam contribuído para refrear o ímpeto pró-Ciro, segundo fontes do grupo narram para o BR18: 1) a insistente verborragia do pedetista, que xingou um promotor e reforçou os insultos a Fernando Holiday, que é do DEM; 2) a oposição de Ciro à venda da Embraer para a Boeing, vista como sinal de que as ideias econômicas dele estão à esquerda do grupo, e 3) Alckmin ter demonstrado alguma ação política, fechando alianças com PTB, PSD e PPS e oscilando positivamente nas pesquisas em São Paulo, sua “casa”. / Vera Magalhães


VOLTAR PARA O ESTADÃO