14.09.2018 | 14h34

Alckmin bate na esquerda e na direita

Para tentar crescer na reta final da campanha, Geraldo Alckmin ampliou seus alvos. Se antes a prioridade era tentar diminuir a vantagem de Jair Bolsonaro, o tucano tenta, agora, segurar também o crescimento dos adversários de esquerda, como Ciro Gomes, Fernando Haddad e Marina Silva.

“Entre os vários tons de vermelho e o populismo de direita, é preciso trilhar outro caminho’, disse o tucano nesta sexta. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

Geraldo Alckmin
VOLTAR PARA O ESTADÃO