31.05.2018 | 15h43

‘Agora querem apoio dos golpistas?’

Já levou o primeiro não o movimento feito por PDT e PCdoB em busca do apoio de PPS, PSB e PT para formar uma chapa única de esquerda para o governo do Rio de Janeiro. O presidente do PPS, Roberto Freire, já disse que o acordo “não tem como prosperar”. O PDT tem como pré-candidato Pedro Fernandes e o PCdoB tem Leonardo Giordano.

“Responsáveis diretos pelo trágico desmantelo que promoveram no Rio agora falam em se aliançar conosco em nome de uma esquerda que eles enxovalharam e tornaram reacionária? E só para não esquecer, PPS e PSB são “golpistas”: votaram a favor do impeachment”, ironizou Freire. /M.M.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO