02.09.2018 | 15h17

Advogado do PT nega orientações, mas reafirma teses

O advogado Luiz Fernando Casagrande Pereira negou ser o autor de um arrazoado que circula em grupos de petistas no WhatsApp, ao qual o BR18 teve acesso, com os próximos passos do partido para manter a candidatura de Lula. Mas em conversa telefônica na tarde deste domingo, 2, ele confirmou que vai ao STF e que Fernando Haddad deve continuar aparecendo na TV como “vice avulso”, como diz a nota.

“Muitas das coisas ali estão corretas. Pode ser que algum advogado do PT tenha feito esse resumo, mas não fui eu”, disse ele. Casagrande confirmou que vai ao STF para manter a candidatura de Lula, o que chamou de “obviedade”, mas disse que ainda tem de “estudar” o regimento para saber se os três ministros da Corte que são também do TSE não poderiam ser relatores do recurso, como consta da avaliação distribuída a políticos e advogados do PT atribuída a ele. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO