02.07.2018 | 15h52

A utopia de Unger

“Unger não é um social-democrata, não está vendendo proteção contra a instabilidade do mercado. Seu programa é abraçar a instabilidade, envolver todo mundo na gestão da instabilidade, e seja lá o que Deus quiser” escreve Celso Rocha de Barros na Folha sobre o conselheiro de Ciro Gomes. O colunista pondera que as ideias do economista, ainda pouco atentas a detalhes técnicos, podem ser úteis, desde que misturadas com algo mais “pé no chão”.


VOLTAR PARA O ESTADÃO