05.08.2018 | 18h23

A sina do 13, segundo Alckmin

Em seu primeiro discurso como candidato à Presidência, realizado na Convenção Nacional do PSDB que oficializou a sua candidatura, no sábado, 4, Geraldo Alckmin tirou onda com a “herança trágica” deixada pelo PT para os brasileiros e compartilhou a afirmação nas redes sociais.


“Foram as bravatas e o radicalismo que criaram a coincidência que sintetiza a herança trágica que o governo petista nos deixou: 13, o número do partido que lá esteve por treze anos; pois bem, são hoje 13 milhões o número de brasileiros atirados ao desemprego.” / J.F.

VOLTAR PARA O ESTADÃO