10.04.2018 | 16h40

A primeira bucha

Mal tomou posse do cargo, o novo ministro da Educação, Rossieli Soares, já pode ter de lidar com protestos de estudantes contra o corte no orçamento da UnB. A manifestação causou quebra-quebra no Ministério da Educação e no prédio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Depois de sua posse no Planalto, o novo ministro disse que admite conversar sobre o assunto com os estudantes desde que não haja agressividade. /M.M. 


Mais conteúdo sobre:

protestosMinistério da Educação
VOLTAR PARA O ESTADÃO