07.04.2018 | 09h54

A ‘posição de enfrentamento’ do PT

Em coluna publicada no Estadão neste sábado, 7, João Domingos opina que “a posição de enfrentamento que o PT adotou (…) tem sido danosa para tudo e para todos.”

Domingos defende que esse comportamento pode ter efeito contrário ao que o PT quer e prejudicar o partido nas eleições. “É tudo marketing político, uma tentativa de transformar Lula em vítima. Acontece que, se para o militante petista tais atitudes o animam a se manter acordado, com a bandeira lá no alto e com a sensação de que é um revolucionário, para o cidadão comum não há esse efeito.”


Mais conteúdo sobre:

PT
VOLTAR PARA O ESTADÃO