30.11.2018 | 07h16

A política no camburão

A prisão do governador do Rio, Luiz Fernando Pezão expõe um cenário de “terra arrasada” nos poderes políticos do Estado, segundo reportagem publicada pelo Estadão nesta sexta-feira, 30. Além de Pezão e do ex-governador Sérgio Cabral, dez deputados estaduais estão encarcerados (incluindo dois ex-presidentes da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani e Paulo Melo), cinco conselheiros do Tribunal de Contas, diversos ex-secretários estaduais e um ex-procurador do Ministério Público Federal no Estado. Pezão foi preso preventivamente na quinta-feira, 29, sob a acusação de suceder o ex-governador Sérgio Cabral em um esquema de corrupção operado de dentro do Executivo do Rio. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO