08.11.2018 | 12h04

A Opinião do Estadão: Uma herança a preservar

“Um dos melhores legados do presidente Michel Temer a seu sucessor será uma inflação moderada e próxima da meta de 4,50%, resultado muito provável, segundo analistas do setor privado e também do Banco Central (BC). Se os preços continuarem bem comportados em 2019, o próximo governo poderá concentrar-se em tarefas essenciais para a consolidação de uma nova fase de prosperidade.”

Trecho de editorial do Estadão desta quinta-feira, 8.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO