05.02.2019 | 07h00

A Opinião do Estadão: Uma grande bagunça

“Pelo que se viu na sexta-feira e no sábado, a inédita renovação do Senado – das 54 cadeiras disputadas nas eleições do ano passado, 46 foram preenchidas por novos parlamentares – foi apenas uma troca de nomes. Os costumes permaneceram os mesmos, se não é que pioraram. O início da 56.ª Legislatura do Senado foi uma grande bagunça, com estudantadas de ensino médio, afrontas ao Regimento Interno do Senado e uma reiterada indiferença pelos bons modos. Ainda que o senador Renan Calheiros tenha sido derrotado – o que é uma excelente notícia –, a eleição para a presidência do Senado foi uma vitória das piores práticas políticas. A tão esperada “nova política” ainda não foi vista.”

Trecho de editorial do Estadão desta terça-feira, 5.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO