24.09.2018 | 07h00

A Opinião do Estadão: Senhora de seu destino

“Uma marca da campanha eleitoral de 2018 é a placidez com que se atacam os princípios basilares da democracia sem que isto enrubesça a face dos liberticidas ou cause arrepios nos segmentos da sociedade que os apoiam. O menoscabo pelas instituições republicanas, os ataques à liberdade de imprensa e o desapreço pela atividade política dita tradicional são vocalizados, às vezes em português cristalino, por candidatos bem colocados nas pesquisas de intenção de voto.”

Trecho do editorial do Estadão desta segunda-feira, 24.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO