17.10.2018 | 17h18

A Opinião do Estadão: Pior do que em 2015

“Em pelo menos oito Estados a situação financeira é crítica. Os déficits são tão grandes que os atuais governadores correm o risco de encerrar o último ano de seu mandato sem dinheiro em caixa para cobrir despesas já contratadas, o que é proibido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A queda da arrecadação provocada pela crise pela qual o País passou nos últimos anos juntou-se à falta de controle sobre despesas obrigatórias, especialmente com a folha de salários do funcionalismo e com as aposentadorias dos servidores, para deixar um pesado fardo financeiro aos governadores que tomarão posse no dia 1.º de janeiro de 2019.”

Trecho de editorial do Estadão desta quarta-feira, 17.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO