19.11.2018 | 16h43

A Opinião do Estadão: O custo do protecionismo

“A taxação das importações resultou na transferência de R$ 130 bilhões dos consumidores para as empresas dos setores produtivos beneficiados por essa tributação, somente no ano de 2015. As tarifas de importação asseguram algum grau de proteção para os produtores domésticos de bens similares aos importados e lhes permitem cobrar mais caro no mercado doméstico do que cobrariam se os produtos importados não fossem taxados da forma que são. Daí o ganho auferido por esses produtores.

O cálculo foi feito por uma equipe de economistas do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) utilizando uma metodologia inédita no País. As conclusões constam do Relatório de Assistência Setorial: Custos e Benefícios da Proteção Tarifária no Brasil”, diz trecho de editorial do Estadão nesta segunda-feira, 19.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO