20.11.2018 | 17h00

A Opinião do Estadão: O consumo ainda travado

“Dinheiro curto e muito desemprego manterão o consumidor cauteloso até o fim do ano, mas, ainda assim, o comércio deverá chegar ao réveillon com resultados melhores que os acumulados em 2017. Mesmo com algum avanço em relação ao ano passado, o desempenho da maior parte do varejo foi medíocre em 2018, um período de muita oscilação no movimento de vendas.

Em quatro dos nove meses até setembro, a variação sobre o mês antecedente foi negativa. Em um, foi nula. Apesar dos tropeços, o último balanço é positivo. No ano, o volume de vendas do comércio varejista restrito foi 4,3% maior que o de janeiro a novembro do ano anterior. Em 12 meses o ganho chegou a 4%. Quando se incluem no conjunto as vendas de veículos e componentes e também as de material de construção, chega-se ao varejo ampliado, com avanços de 6,8% e 6,5% naqueles períodos”, diz trecho de editorial do Estadão nesta terça-feira, 20.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO