07.02.2019 | 12h02

A Opinião do Estadão: Gratificações ilegais

“Se a área econômica do governo do Estado de São Paulo acata o princípio da responsabilidade fiscal e a legislação que estabelece teto de gastos para o poder público, faz sentido que ela adote um programa com o objetivo de estimular fiscais e auditores a ampliar o número de multas, pagando gratificações que levariam essas categorias profissionais a ganhar acima do teto constitucional do funcionalismo?”

Trecho de editorial do Estadão desta quinta-feira, 7.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO