29.05.2018 | 07h00

A Opinião do Estadão: Fraqueza perigosa

“O governo do presidente Michel Temer mostrou-se frágil ao lidar com o protesto dos caminhoneiros que parou o País. Essa fragilidade ficou particularmente evidente com a quase total inação das Forças Armadas, malgrado o fato de que as medidas decretadas por Temer para desobstruir as estradas e garantir o abastecimento das cidades incluíam a autorização expressa para que os militares agissem contra os grevistas.”

Trecho de editorial do Estadão desta terça-feira, 29.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO