29.10.2018 | 17h00

A Opinião do Estadão: Dólares, susto e confiança

“O Brasil de amanhã continua atraente para o investidor estrangeiro, mas o País de hoje é pouco animador para quem prefere o jogo rápido e especulativo das finanças. O contraste é forte nas contas externas. O mercado brasileiro assimilou investimento direto de US$ 7,83 bilhões em setembro, de US$ 52,21 bilhões no ano e de US$ 70,77 bilhões em 12 meses, soma equivalente a 3,68% do Produto Interno Bruto (PIB).”

Trecho de editorial do Estadão desta segunda-feira, 29.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO