20.10.2018 | 07h00

A Opinião do Estadão: Brasileiro: cético e com medo

“Antes de fazer juízos desabonadores tanto sobre esses líderes como sobre seus simpatizantes, seria mais produtivo para o País refletir sobre como se chegou a esse estado de coisas, a começar pela dilapidação do Estado pelas corporações. Assim, se estão realmente preocupadas com o futuro, as lideranças que verdadeiramente prezam a democracia devem fomentar um compromisso nacional para, em primeiro lugar, sanear as finanças do Estado – condição indispensável para que as demandas sociais mínimas sejam atendidas e, consequentemente, os brasileiros comecem a recuperar a fé no pacto democrático.”

Trecho de editorial do Estadão deste sábado, 20.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO