24.08.2018 | 07h00

A Opinião do Estadão: Bons sinais para preços e juros

“O novo presidente encontrará uma inflação ainda bem-comportada, próxima da meta, se o quadro eleitoral evoluir sem sustos muito grandes e, é claro, se a turbulência internacional continuar suportável. Do lado dos preços, será esse o quadro mais favorável à reativação dos negócios neste semestre. Se essas condições se confirmarem, o Banco Central (BC) poderá manter em 6,50%, até o fim do ano, a taxa básica de juros, a Selic. Será menor, portanto, o risco de novos entraves à recuperação da economia até a passagem da faixa presidencial ao sucessor do presidente Michel Temer.”

Trecho de editorial do Estadão desta sexta-feira, 24.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO