05.03.2019 | 16h57

A Opinião do Estadão: Bolsonaro e o teste do PIB

“O Brasil sairá do buraco e o governo terá motivo para festejar se a economia crescer pelo menos 2% neste ano. Com isso o País poderá retomar pela primeira vez em cinco anos, até com pequena folga, o nível de atividade anterior à recessão. A meta pode parecer pouco ambiciosa, mas, para atingi-la, o presidente Jair Bolsonaro precisará conseguir a aprovação da reforma da Previdência e mostrar um claro empenho em promover o ajuste das contas públicas. Melhor, ainda, se já cuidar de outras mudanças necessárias a uma longa prosperidade. Se houver um firme avanço no rumo das inovações, será possível esperar taxas anuais de expansão iguais e até superiores a 3%.”

Trecho do editorial do Estadão nesta terça-feira, 5.


Mais conteúdo sobre:

Editorial Estadão
VOLTAR PARA O ESTADÃO