12.01.2019 | 18h05

A multiplicação de candidaturas

Em todas as eleições para o comando da Câmara e do Senado acontece rigorosamente a mesma coisa. Existem um ou dois candidatos que realmente estão no páreo e vários outros que se lançam apenas para negociar a retirada em troca de algum espaço político vantajoso.

Na Câmara, com mais integrantes do que o Senado, a prática está mais intensa. Todos os dias alguém coloca o nome na praça mesmo sabendo que não tem qualquer chance de vitória e fica aguardando ser chamado para desistir da “candidatura”. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

presidência da Câmara
VOLTAR PARA O ESTADÃO