18.03.2018 | 07h15

‘A esquerda abdicou da renovação do sistema político’

Em artigo publicado neste domingo, 18, no Estadão, o tradutor e ensaísta Luiz Sérgio Henriques, um dos organizadores das ‘Obras’ de Gramsci, afirma, ao analisar o que chamou de “desorientação” da esquerda hoje, que “houve quem saudasse a ascensão do novo presidente americano, Donald Trump, como um revés fatal para o neoliberalismo globalista”.

“A esquerda latino-americana deu sua chancela à polarização que destrói o terreno comum representado pelas democracias constitucionais. Fugiu do tema crucial do centro político, apostando na contraposição entre povo e ‘elites'”, diz.

“Como mostrou o exemplo brasileiro, abdicou do papel histórico de renovação do sistema político, contribuindo antes para sua deterioração e ruína.”

Leia o artigo na íntegra aqui

VOLTAR PARA O ESTADÃO