19.02.2019 | 16h40

A dose do dia de ‘áudios contraditórios’ de Moro

O dia não é apenas de áudios contraditórios de Jair Bolsonaro. O ministro Sergio Moro, um dos alvos favoritos da militância petista depois de ser o responsável pela condenação e prisão de Lula, também virou alvo. A trupe está divulgando o antigo áudio onde Moro afirma que “caixa 2 é pior do que corrupção” justamente no dia em que o ex-juiz foi para o outro lado e afirmou que “caixa 2 não é corrupção” e “não tem a mesma gravidade”.


Mais conteúdo sobre:

sergio morocaixa dois
VOLTAR PARA O ESTADÃO