28.10.2018 | 19h18

A derrota particular do Major Olímpio

Além do governador Márcio França, do PSB, o Major Olímpio, senador eleito pelo PSL em São Paulo, foi um grande perdedor nas eleições paulistas. Enquanto boa parte do PSL do Estado cerrou fileiras com João Doria, do PSDB, que apoiou Bolsonaro desde o princípio, recebendo até um agradecimento público dele por isso, Olímpio isolou-se ao lado de França, aliado das forças derrotadas no plano nacional, como o PDT de Ciro, o próprio PSB e até o PT, que o abraçou de forma enrustida.

Com Doria no Palácio dos Bandeirantes, Bolsonaro terá um suporte essencial para o seu governo no Estado mais rico do País. Com a saia justa criada por Olímpio com Doria e o PSDB, ele provavelmente ficará a margem deste contato. Graças à relação construída na campanha, Doria e Bolsonaro deverão manter um canal direto de comunicação entre eles. / José Fucs

 

 


 

VOLTAR PARA O ESTADÃO