15.10.2018 | 14h44

A ‘declaração de amor’ de Boulos a Bolsonaro

Passada a eleição, na qual obteve apenas 0,58% dos votos, Guilherme Boulos, ex-presidenciável do PSOL e líder do MTST, parece de volta à velha forma. Em ato realizado na Avenida Paulista, na quarta-feira, 10, em São Paulo, que viralizou nas redes sociais, Boulos comandou um “canto de guerra” contra o candidato do PSL com a tropa de choque do MTST.

“Oh Bolsonaro, preste atenção, a sua casa vai virar ocupação”, dizia o coro dos militantes, que costumam criticar o que chamam de “discurso de ódio” do presidenciável. Bolsonaro não deixou o aviso de Boulos passar em branco. “Esta ameaça vai ser transmitida pela mídia ou só quando eu responder como defenderei minha família e propriedade, tentando me imputar novamente como o maior vilão do universo?”, perguntou no Twitter. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO