23.05.2018 | 14h54

A ‘cela’ de Azeredo

O ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo ficará preso em sala do Estado Maior em um batalhão militar, preferencialmente em um corpo de bombeiros, informa O Globo.

Considerado foragido, Azeredo recebeu o benefício por ter “inegável status”, definiu o juiz de execução penal Luiz Carlos Rezende e Santos no ofício que enviou ao Ministério Público.

 


Mais conteúdo sobre:

Eduardo Azeredo
VOLTAR PARA O ESTADÃO