31.03.2018 | 09h03

A caravana de Lula ficou para trás (2)

Além de verem a crise de Michel Temer ofuscar a defesa de Lula,  osaliados do ex-presidente Lula se preocuparam com o super abaixo assinado que 500 magistrados pretendem entregar ao Supremo, defendendo a manutenção da prisão depois da condenação em segunda instância.

Para os petistas, os ministros do Supremo têm demonstrado serem sensíveis demais às pressões externas e podem acabar derrubando Lula na conclusão do julgamento do seu habeas corpus. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

habeas corpus de Lula
VOLTAR PARA O ESTADÃO