10.07.2018 | 08h33

A campanha dos ‘Três Mosqueteiros’

O empenho dos parlamentares do PT por Lula embute um cálculo claro: os mais proativos são vistos no partido como prováveis puxadores de votos em outubro, por serem aqueles mais identificados pelo eleitorado lulista.

A atuação na linha de frente já é usada por eles como material de promoção. Paulo Teixeira, um dos impetrantes do pedido de soltura de Lula que motivou o impasse do domingo, enviou para seu mailing no WhatsApp uma mensagem em que ele, Wadih Damous e Paulo Pimenta são chamados de “Os Três Mosqueteiros” de Lula. “Parabéns. Vocês nos representam sempre”, diz o texto. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO