06.01.2019 | 14h46

A aliança evangélicos-Israel

Um dos grupos mais influentes e mais ativos na defesa da transferência da embaixada do Brasil em Israel de Tel-Aviv para Jerusalém é a Frente Parlamentar Evangélica, que deve reunir 91 parlamentares a partir de fevereiro.

Reportagem do Globo mostra que fundamento do apoio é religioso: “Israel é um termômetro dos sinais do cumprimento do que está escrito no Livro do Apocalipse. A nossa fé acredita nisso. A transferência da embaixada diz respeito a isso. Para nós, todo cenário será preparado para o Armagedom, como descrito no Apocalipse, e o palco do Armagedom será na cidade de Jerusalém”, afirma o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ).


VOLTAR PARA O ESTADÃO