29.10.2018 | 09h20

Caminhos para o PT

“PT tem de superar estratégia de fazer eleitor olhar para trás”, afirma o cientista político Rafael Cortez, sócio da Tendências Consultoria Integrada. Em entrevista ao Estadão, ele diz que o PT precisa voltar a ser a caixa de ressonância dos interesses da sociedade e se contrapor ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), para voltar ao protagonismo político.


VOLTAR PARA O ESTADÃO