23.10.2018 | 12h21

Ibaneis reconhece que disputa é desigual

O advogado Ibaneis Rocha (MDB), que disputa o segundo turno pelo governo do Distrito Federal, e tem patrimônio declarado de R$ 94 milhões, afirmou à Folha que concorda com o modelo de financiamento eleitoral vigente neste pleito, que permite o autofinanciamento. Mas reconheceu que sistema gera disparidade na eleição.

“A legislação que foi aprovada no Congresso prejudicou muito a política como um todo. Realmente, ficou uma disparidade, mas uma disparidade que está dentro da lei”, disse Ibaneis.


VOLTAR PARA O ESTADÃO