02.10.2018 | 12h05

Bruno Araújo com Bolsonaro

O apoio do coordenador-geral das carreatas pró-Bolsonaro no Recife, coronel Koury, ao deputado federal e candidato ao Senado, Bruno Araújo (PSDB) consolida um movimento que vinha sendo anunciado há algumas semanas: Araújo é mais um a abandonar o barco de Geraldo Alckmin (PSDB), causando desconforto na campanha tucana.

No vídeo de apoio, Araújo, que foi ministro do governo Temer, falou em proteger o País do PT. “Vai haver uma grande unidade nacional para não permitir o retorno do PT”, disse. Na última semana, Araújo chegou a dizer que “faltou firmeza” à campanha de Alckmin.


VOLTAR PARA O ESTADÃO