30.05.2018 | 14h33

10 dias depois, Cármen Lúcia fala

Calada durante toda a crise dos combustíveis, a presidente do STF, Cármen Lúcia, finalmente se manifestou hoje, dez dias depois do início do caos que tomou o País. Com os caminhoneiros já deixando as rodovias e o abastecimento voltando ao normal, a ministra disse estar preocupada com a situação: “Vejo com profunda preocupação o grave momento político, econômico e social experimentado pelos cidadãos brasileiro”, afirmou.

A ministra também falou dos pedidos de intervenção militar vindos de algumas lideranças grevistas, e fez uma defesa da democracia: “É o único caminho legítimo”, disse.

 


Notícias relacionadas

Mais conteúdo sobre:

Cármen Lúciagreve dos caminhoe
VOLTAR PARA O ESTADÃO