17.05.2018 | 13h05

Restaurante liberado para Battisti

O italiano radicado no Brasil Cesare Battisti, condenado na Itália à prisão perpétua por terrorismo e pela morte de quatro pessoas, já pode sair de casa à noite, frequentar restaurantes e deixar a cidade de Cananéia (SP). As restrições haviam sido impostas pelo juiz Sérgio Castresi De Souza Castro, do município paulista, em ação por falsidade ideológica — segundo o Ministério Público, Battisti declarara falsamente que morava em Cananéia, para fins de habilitação de casamento.

Em decisão tomada na quarta-feira, 16, atendendo a pedido da defesa, para quem as medidas cautelares eram “desproporcionais”, o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou, segundo o Estadão, o trancamento de ação penal. Para o TJ, “a declaração de endereço realizada por Battisti era passível de verificação, não existindo crime nesta conduta”. / J.F.

 


Notícias relacionadas
VOLTAR PARA O ESTADÃO